terça-feira, dezembro 18, 2007

Dia Nacional da Homofobia Monárquica

Amanhã de manhã, a comissão de Ética da Assembleia da República debate a petição de activistas LGBT pela criação de um Dia Nacional Contra a Homofobia.

O deputado responsável pelo parecer foi Nuno da Câmara Pereira, deputado monárquico eleito pelo PSD.

Destacamos deste relatório a passagem brilhante na qual este inacreditável deputado fundamenta o parecer de simples arquivamento da petição:
"(...) a instituição de um dia de luta contra a homofobia, entendida, de um modo genérico, como o medo irracional ou preconceito em relação à homossexualidade, seria, de alguma forma, atentar contra a liberdade de opinião.
De facto, embora a sociedade ideal seja uma sociedade livre de preconceitos, a verdade é que, e na medida em que não interfira com a esfera dos direitos, liberdades e garantias dos outros, há que aceitar, enquanto Estado democrático e de Direito, o direito à diversidade de opinião.
Ao instituir-se um dia mundial de luta contra a homofobia estar-se-ia, no fundo, a instituir um dia contra todos aqueles que pensam a sexualidade de modo distinto e, consequentemente, a colocá-los numa situação de discriminação."

Com esta argumentação, o referido deputado pede o simples arquivamento da petição.

Vai ser uma discussão linda, amanhã, vai!!!

Etiquetas: , ,

Observatório Homofobia/Transfobia na Saúde @ Médicos Pela Escolha
DIVULGAÇÃO