domingo, junho 19, 2011

Gays pró-sionistas alvo de intimidação homofóbica em Israel

Pagos pelo governo de Israel, dois dirigentes do movimento gay de Barcelona decidiram furar o boicote iniciado pelo Pride de Madrid após o ataque de tropas israelitas à frota que transportava medicamentos e outros produtos de emergência para a Faixa de Gaza. Azarinho, não parece ter corrido lá muito bem...
Observatório Homofobia/Transfobia na Saúde @ Médicos Pela Escolha
DIVULGAÇÃO